the chills "kaleidoscope world" 1986

Confesso que descobri os The Chills pelo fantástico blog do Filipe Boavida, sem dúvida um dos melhores.
Seria até incorrecto da minha parte reproduzir os posts dele, mas dá vontade.
Para além de bem escritos, apresenta uma selecção quase irrepreensível, não fosse a recaída no José Cid.
Previamente já conhecia a versão que os The House Of Love haviam feito de “Pink Frost”, o single que o Filipe colocou em mp3. Muito boa, aliás. Recomendaria o mp3 não fosse dar-se o caso de o mesmo já ter desaparecido daqui.

Bom! Sem mais palavras apreciem o texto e o mp3 que o Filipe colocou aqui.

A não perder!

Esta entrada foi publicada em 80's, the chills. ligação permanente.

5 respostas a the chills "kaleidoscope world" 1986

  1. Olá Mary,Mais uma vez agradeço os elogios ao PET SONGS, para já não falar da tua assiduidade que é extremamente benvinda! (só lamento nas últimas semanas a tua ausência dos “comentários” – mas nisso não foste infelizmente a única!).Aliás, agradeço e retribuo: apesar de cobrir parcialmente o mesmo universo de gostos musicais, o “Capas” tem sido responsável por me dar a conhecer algumas das novíssimas referências indie (o que já não seria pouco) mas sobretudo porque me apresentou (papinha feita) uma selecção de alguns dos bons blogs mp3 que vale a pena conhecer.Vamo-nos lendo (e ouvindo) por aí… 🙂PS: quanto ao José Cid, pelo que vejo a polémica continua! Assim, sim!

  2. Mary diz:

    Não comento,porque muitas vezes não há muito a dizer face ao que já está escrito, mas vou lá… …sempre.Cumprimentos!

  3. Confesso uma recaída, então: o José Cid, mas não os do “macaco” ou das “favas com chouriço”. Falo do Cid do Quarteto 1111 (fantástico “A lenda d’el rei D. Sebastião”) ou desse álbum (tremei!) de rock progressivo “Dez mil anos entre Vénus e Marte”, escolhido por críticos da especialidade como um dos 100 melhores álbuns de sempre no género. José Cid merece um olhar atento, para lá das loucuras e megalomanias do homem de hoje. (Confesso que escrevo ainda sem ler o texto do Filipe, que acompanho menos regularmente, mea culpa!). Boa música, a estes dois magníficos cultores.

  4. cj diz:

    o josé cid tem um disco que foi eleito por uma revista britânica (confesso que não sei qual) como o melhor disco de rock de todos os tempos.

  5. Mary diz:

    O problema foram “os 20 anos” e o meu primeiro amor.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s